sábado, 4 de fevereiro de 2012

HOLLYWOOD: UM POEMA DE BERTOLT BRETCH


Toda manhã, para ganhar meu pão
Vou ao mercado, onde se compram mentiras.
Cheio de esperança
alinho-me entre os vendedores.

Tradução Haroldo de Campos

3 comentários:

maria azenha disse...

Excelente escolha, querido Jefferson


Beijo,

maria

akissinlove disse...

Olá, adorei seu blog, será que você poderia participar do meu? http://akissinlife.blogspot.com/ dá uma passadinha lá... Agradeço desde já.. Beijooos mil! :)

Cristiano Marcell disse...

Blog interessante!

Sigo-te desde então!